dinheiro

A atividade agrícola do Brasil respondeu por 74% do valor aplicado

11 de novembro de 2018

A contratação de crédito rural pelo Plano Safra nos quatro primeiros meses da temporada 2018/19 somou 64 bilhões de reais, 26 por cento a mais do que em igual período da temporada passada, informou o Ministério da Agricultura nesta quinta-feira.

A atividade agrícola do Brasil, que está em processo de plantio da safra de grãos, respondeu por 74 por cento do valor aplicado, enquanto a pecuária obteve financiamentos de 16,7 bilhões de reais.

Ao todo, foram realizadas 258 mil operações entre julho e outubro, uma alta de 7 por cento na comparação anual.

“Nossa expectativa, é que, daqui para frente, a demanda por custeio se reduza, e aumente a procura por recursos para investimento”, disse o secretário de Política Agrícola, Wilson Vaz de Araújo em comunicado, acrescentando que a demanda por recursos deve ser suficiente.

Segundo a pasta, as aplicações para custeio foram as que contaram com maior desembolso (37,4 bilhões de reais), seguidas das de investimento (12,5 bilhões), comercialização (11,3 bilhões) e industrialização (3 bilhões), todas registrando aumento contra os valores contratados há um ano.

“Estamos atentos e monitorando a necessidade de fazer ajustes, deslocando recursos para os programas de investimento que apresentarem maior procura por parte dos produtores rurais.”

Fonte: Terra